Allana sonhava em ser médica

81 Views

Resultado do vestibular da namorada de Cristiano Araújo na Universidade de Rio Verde saiu no dia da tragédia

Uma menina sorridente, estudiosa e que sonhava em ser médica. Assim amigos próximos descrevem a estudante Allana Coelho Pinto de Moraes, de 19 anos, namorada do cantorCristiano Araújo. Filha mais velha do representante comercial Frank Moraes e da dona de casa Míriam Coelho, Allana aguardava ansiosa o resultado do vestibular para medicinaque prestou na Universidade de Rio Verde. Como tema da redação do exame, ela escreveu sobre “a hipocrisia do jeitinho brasileiro”. O resultado saiu no dia da morte da garota que completaria 20 anos em 8 de julho. Allana ficou na lista de excedente.

A expectativa pelo resultado do vestibular deu o tom da última conversa da estudante com a mãe, na noite de terça-feira dia 23 de Junho. De férias do cursinho, Allana Moraes estava aproveitando o tempo livre para ficar mais perto de Cristiano Araújo, com quem namorava há um ano e dois meses. Os dois se conheceram em uma festa em Goiânia de uma amiga de Allana, filha de um dos empresários do cantor.

“Allana sempre viveu em um mundo oposto ao sertanejo. Ela conheceu o Cris fora de show, fora do ambiente dele”, conta a estudante Rany Coimbra Crisóstomo, amiga do casal. “Meu coração está dilacerado. A Allana era uma princesa, de uma família maravilhosa, com um coração puro, nova, alegre, porém de uma maturidade e sabedoria sem igual”, descreve Rany.

No início do romance com o sertanejo, a família da estudante teve um pouco de resistência por medo de Allana Moraes se envolver com alguém do mundo das celebridades. Lentamente foi aceitando o cantor. A mãe, Miriam, revelou que a filha e Cristiano Araújo começaram a falar em casamento. O cantor deu um anel de compromisso para a estudante e escreveu uma música em homenagem a ela.

Há quatro anos, a família de Allana sofreu com a morte do filho do meio, Thales, vítima da leucemia. Durante a busca por um doador compatível, os amigos da escola onde Thales e Allana estudavam, o Colégio Prevest, chegaram a raspar a cabeça em solidariedade ao rapaz, que faleceu em 2011 com apenas 13 anos. “Allana sempre foi muito próxima do Thalles e falava muito dele para gente”, conta Rany.

“Essa é a segunda grande perda que tenho. Há quatro anos eu tive um filho que morreu e agora ela morre. Ainda não sabemos o que aconteceu para provocar esse acidente. Mas todos estão arrasados”, disse Míriam, em entrevista ao G1 Goiás. Além de Allana e Thalles, Frank e Míriam são pais de Gabriela, a caçula de 16 anos.

Fonte ; Movimento Country

What's Happening Recommended by Hashcore

Compartilhe com os amigos :
carregando...

Deixe um comentário: